Quando Parar

É inevitável, quando organizamos nossas vidas sentimos mais disposição e confiança para enfrentar novos desafios que vão inevitavelmente gerar novos compromissos que vão consumir seu tempo.
É normal que isso resulte em uma sobrecarga que só percebamos quando ela estiver ali, nos fazendo sentir mal, esmagados, sufocados.

É de extrema importância que saibamos a hora de parar.

Queremos fazer mil coisas ao mesmo tempo e não conseguimos manter o foco em uma só, obtendo todos os resultados só no “mais ou menos” e não como devemos. Ainda que tenhamos um sistema de organização pessoal (GTD, Técnica Pomodoro, etc) comprometer-se com muito nunca é proveitoso. Exceto se você tiver cópias de si mesmo para te ajudarem.

Percebendo que não podemos abraçar o mundo, temos que saber a hora de dizer não. Analisar o que nos é proposto também é essencial, não apenas nossa lista de afazeres do dia-a-dia, afinal, somos seres humanos, temos nossas limitações físicas e psicológicas. Cobrança demais nos causa ansiedade, e mente agitada não produz com capacidade total. É normal querermos resolver milhões de coisas ao mesmo tempo, mas primeiro devemos nos ajudar.

Neste mundo hiperconectado, no qual somos bombardeados com informações constantemente, temos que ligar o nosso filtro e absorvermos aquilo que nos é de extrema importância.

Quando perceber esse sufoco lembre-se de seguir simples passos para remediar imediatamente esse sentimento:

1 – Pare. Simplesmente tire um momento para si mesmo e pare. Saia do local onde está e vá beber uma água.

2 – Respire fundo por um minuto.

3 – Liste todas suas tarefas que passe na sua mente.

4 – Separe 3 tarefas que precisa fazer hoje.

5 – Foque nas 3 tarefas até terminar.

6 – Programe a sua semana com 3 tarefas (tiradas da lista) de cada vez.

Para evitar esse sentimento, siga o planejamento e diga NÃO.
NÃO é uma palavra poderosa que pode ser dita de diversas maneiras que não machucam ou deixam uma má impressão.

Anúncios