Força de Vontade

Durante os últimos 3 anos estive fascinado em como hábitos são formados e como as pessoas que querem mudar esses hábitos fazem isso acontecer. Durante esse período, também observei que mesmo após as pessoas aprenderem como fazer suas ações diárias para manter seus hábitos saudáveis, elas ainda assim não conseguiam e se perdiam no meio do caminho.

Fazendo reflexões internas e perguntando para outras pessoas o porque elas não conseguiam seguir seus planejamentos a resposta em sua maioria foi “Falta de força de vontade.”

Procurando saber mais sobre os mecanismos de motivação e da força de vontade encontrei pesquisas que estudam alguns fatos importantes sobre a Força de Vontade, e ela funciona um pouco diferente do que eu pensava.

Na verdade, me surpreendi o quanto pequenas decisões diárias afetam a força de vontade que você temos para escolhas importantes. E o mais importante, há escolhas simples que você podemos fazer que nos ajudam a dominar a nossa força de vontade e consequentemente nos faz tomar melhores decisões de uma forma mais consistente.

Em um estudo publicado pela Academia Nacional de Ciências dos Estados Unidos, psicólogos examinaram os fatores que influenciam ou não um juiz ao aprovar um criminoso para sua liberdade condicional. Nesse estudo, os pesquisadores examinaram 1.112 decisões judiciais sobre um período de 10 meses.

Você pode supor que os juízes foram influenciados por fatores como o tipo de crime cometido ou as leis particulares que foram quebrados . Mas os pesquisadores descobriram exatamente o oposto. As escolhas feitas por juízes são afetadas por todos os tipos de variáveis que não devem ter um efeito no tribunal. Mais notavelmente, a hora do dia.

O que os pesquisadores descobriram foi que, no início do dia, um juiz era susceptível de dar uma decisão favorável cerca de 65% dos casos. No entanto, enquanto a manhã avançava e o juiz ficava exausto de tomar mais e mais decisões, a probabilidade de um criminoso conseguir uma decisão favorável descia para zero.

Depois de dar uma pausa para o almoço, o juiz voltava para o tribunal revigorado e a probabilidade de uma decisão favorável pulava imediatamente até 65 por cento. E então, como as horas seguiam em frente, a porcentagem de decisões favoráveis ​​cairia para zero até o final do dia.

Esta tendência era real para mais de 1.100 casos. Não importando o crime cometido – assassinato, estupro, roubo, apropriação indébita – um criminoso era muito mais provável de conseguir uma resposta favorável, se a sua audiência de condicional fosse agendada na parte da manhã (ou imediatamente depois de uma pausa do juiz) do que se fosse agendada perto do final de um longo sessão.

Isso demonstra que a nossa força de vontade é como um músculo e semelhante aos músculos do seu corpo, a força de vontade pode ficar cansada quando você usá-la em grandes repetições. Toda vez que você tomar uma decisão, é como fazer outra repetição na academia. E da mesma forma como os músculos se cansam no final de um treino, a potência de sua força de vontade se esvai enquanto você toma mais decisões .

Pesquisadores se referem a esse fenômeno como fadiga de decisão. Quando o juiz em um conselho de liberdade condicional experimenta fadiga, negam pedidos de mais liberdade condicional. Quando a sua força de vontade está desaparecendo e seu cérebro está cansado de tomar decisões, é mais fácil simplesmente dizer não e manter todos presos do que debater se alguém é ou não confiável o suficiente para sair da prisão.

A fadiga de decisão acontece todos os dias em nossas vidas também. Se você tem um dia particularmente pesado com grandes decisões no trabalho, você chega em casa se sentindo exausto. Você saber que é melhor ir para a academia e treinar, pode até querer, mas seu cérebro prefere o padrão para a decisão fácil: sentar-se no sofá.

Os outros hábitos saudáveis que demandam mais força de vontade como cozinhar uma refeição saudável (ao invés de pedir pizza), trabalhar no seu próprio negócio (ao invés de assistir novela) também sofrem com a sua fadiga de decisão.

Felizmente é possível planejar nossa vida para que não soframos com a fadiga de decisão e construamos hábitos saudáveis.

1. Planeje suas decisões na noite anterior.

Haverá sempre as decisões que surgem com urgência a cada dia que você não pode planejar. Tudo bem isso é apenas uma parte da vida.

Mas em sua maioria, as decisões que nos drenam são as que fazemos repetidamente, desperdiçando a preciosa força de vontade. Essas decisões podem ser automatizadas ou planejadas com antecedência.

Por exemplo, decisões como: O que vou vestir para trabalhar? O que devo comer no café da manhã? Devo ir para a lavanderia antes ou depois do trabalho? E assim por diante.

Todos esses exemplos acima, podem ser decididos em 3 minutos ou menos na noite anterior, o que significa que você não estará perdendo sua força de vontade sobre estas escolhas no dia seguinte. Ter tempo para planejar, simplificar e projetar as decisões diárias repetidas lhe dará mais espaço mental para fazer as escolhas importantes a cada dia.

2 . Faça a coisa mais importante em primeiro lugar.

Se você estivesse em um processo judicial extremamente importante, quando você quer que o juiz o ouça?

Com base na pesquisa, fica claro que é no primeiro horário da manhã. Você gostaria ter do juiz, a sua melhor atenção, energia e foco para tomada de decisões extremamente importantes.

A mesma coisa vale para o seu trabalho e vida. Qual é a coisa mais importante para você agora?

É ficar em forma? É a construção do seu negócio? É escrever esse livro que você tem dentro da sua mente? É aprender a eliminar o stress e relaxar?

Seja o que for, coloque sua melhor energia e foco na direção de seu objetivo. Mesmo se precisar acordar 30 minutos mais cedo, comece o seu dia trabalhando na coisa mais importante da sua vida.

Eu escrevi anteriormente sobre a importância das rotinas matinais e gestão do tempo, esta pesquisa sobre a força de vontade é apenas mais um motivo para trabalhar nas coisas mais importantes em primeiro lugar.

3. Pare de tomar decisões. Comece a fazer compromissos.

Sim, é claro que você precisa decidir para fazer as coisas que são importantes para você, mas mais do que isso você precisa programá-los em sua vida.

Todos nós temos coisas que dizemos são importantes para nós .

“Eu realmente quero ampliar meu negócio.”

“Eu realmente quero perder 10 quilos.”

“Eu realmente quero começar a XYZ.”

Infelizmente, a maioria de nós simplesmente espera que nós vamos ter a força de vontade e motivação para tomar as decisões certas todos os dias.

Ao invés de esperar que eu vou fazer a escolha certa a cada dia, eu encontrei muito mais sucesso, programando as coisas que são importantes para mim.

Por exemplo, minha agenda para escrever é segunda-feira e quinta-feira. Minha agenda para o academia é segunda-feira, quarta-feira, sexta-feira. Em qualquer segunda-feira, eu não tenho que decidir se eu vou escrever. Já está na programação. E eu não estou esperando que eu vou ter força de vontade suficiente para ir para a academia. É só onde eu vou às segundas-feiras às 6:00.

Se você sentar e esperar que você vai ser capaz de tomar as decisões corretas a cada dia, então você certamente vai ser vítima de fadiga de decisão e falta de força de vontade.

4. Simplifique .

Se você está tentando aumentar seu nível de desempenho ou apenas quer começar a ter uma alimentação saudável, a maior frustração para a maioria das pessoas é a sensação de que você precisa ter força de vontade a cada minuto do dia.

Encontre maneiras de simplificar sua vida. Se algo não é importante para você, elimine. Tomada de decisões sobre coisas sem importância, mesmo se você tem tempo para fazê-las, não é uma tarefa benigna. Essas coisinhas puxam energia preciosa e força de vontade dos objetivos que importam.

A força de vontade não é algo que você tem ou algo lhe falta, ela simplesmente sobe e desce. Embora seja impossível maximizar a sua força de vontade para cada momento de cada dia, é possível fazer algumas mudanças em seu dia e sua rotina para que você possa tirar o máximo de suas decisões e fazer progressos consistentes sobre os objetivos que são importantes para você.

Anúncios