Hábitos e Identidades

Mudar de hábitos é muito difícil e você provavelmente já percebeu isso.

Nós todos queremos nos tornar pessoas melhores – mais fortes e mais saudáveis, mais criativos e mais qualificados, ser um amigo melhor ou membro da família mais presente e atencioso.

Mas mesmo se conseguirmos nos inspirar, nos motivar e começar a melhorar, é muito difícil continuar com os novos hábitos e comportamentos. É mais provável que no próximo ano você estará fazendo a mesma coisa ao invés de ter um novo hábito.

Tenho um amigo próximo que é muito bom em lembrar os nomes de pessoas que conhece casualmente.

Recentemente, ele me contou uma história que aconteceu quando ele estava na escola. Ele se mudou de cidade e era seu primeiro dia na escola. Como de praxe no início do ano, o professor andou pela sala perguntando o nome de cada um dos alunos para que todos se conhecessem. No final, o professor perguntou se alguém conseguia se lembrar do nome de todos.

Meu amigo levantou sua mão e começou a falar os nomes (certos) de mais de 30 pessoas. O pessoal na sala estava abismado e o cara ao seu lado disse: “Eu não conseguia sequer lembrar o seu nome.”

Ele disse que o momento foi uma experiência afirmando para ele que simplesmente “Eu sou bom em lembrar nomes das pessoas.”

Ainda hoje, ele é ótimo para lembrar os nomes de quem encontramos.

O que eu aprendi com essa história e outras que coletei durante muito tempo é que; a fim de acreditar em uma nova identidade, temos que provar para nós mesmos.

Agora acredito que a chave para a construção de hábitos duradouros está no foco da criação de uma nova identidade. Seus comportamentos e hábitos atuais são simplesmente um reflexo de sua identidade atual. O que você faz agora é uma imagem espelho do tipo de pessoa que você acredita que você é (consciente ou inconscientemente).

Para mudar o seu comportamento, você precisa começar a acreditar em coisas novas sobre si mesmo. Imagine como costumamos definir metas. Podemos começar dizendo “Eu quero perder peso “, “Eu quero ficar mais forte.”, ou se for mais específico pode dizer: ” Eu quero perder 20 quilos ” ou “Eu quero fazer agachamentos com 120 kg. ”

Esses objetivos estão centrados em torno do nosso desempenho e nossa aparência e mesmo sendo ótimo querermos melhorar, não são a mesma que Hábitos. Se você já tem um hábito, então esses tipos de objetivos podem ajudar a levá-lo para um nível melhor. Mas se você está tentando começar um novo hábito, acredito que seria muito melhor começar com uma meta baseada em sua identidade.

Cada ação que você executa é impulsionada pela crença fundamental de que isso é possível mudar seu comportamento e hábitos. Se você mudar a sua identidade (o tipo de pessoa que você acredita que você é), então é mais fácil de mudar suas ações.

Manter novos hábitos é difícil na maioria das vezes porque não provamos a nós mesmos que temos uma nova identidade que inclui aquele hábito que construímos, isso ocorre principalmente quando os objetivos de aparência ou performance são priorizados e não a mudança do hábito.

Para isso existem duas etapas.

1. Decidir o tipo de pessoa que você quer ser.

2. Prove para você mesmo com pequenas ações.

Enfatizo o quanto é importante começar com passos incrivelmente pequenos. O objetivo não é alcançar resultados num primeiro momento, o objetivo é se tornar o tipo de pessoa que pode alcançar essas coisas.

Por exemplo, uma pessoa que treina de forma consistente é o tipo de pessoa que pode tornar-se forte. Desenvolva a identidade de alguém que treina em primeiro lugar e, em seguida, passe para o objetivo de desempenho e aparência depois. Abaixo alguns exemplos de identidades e como as construir através de pequenas ações diárias.

Quer perder peso ?
Identidade: Tornar-se uma pessoa que se move mais a cada dia.
Pequenas Ações: Compre um pedômetro (ou instale um app de pedômetro). Ande 50 passos quando você voltar do trabalho. Amanhã , ande 100 passos. No dia seguinte, 150 passos. Se você fizer isso 5 dias por semana, e adicionar 50 passos a cada dia, então até o final do ano, você vai estar andando mais de 10.000 passos por dia.

Quer se tornar um escritor melhor ?
Identidade: Tornar-se uma pessoa que escreve mil palavras por dia.
Pequenas Ações: Escrever um parágrafo a cada dia da semana. A cada semana seguinte, incrementar para mais um parágrafo.

Quer ser forte?
Identidade: Tornar-se uma pessoa que nunca perde um treino.
Pequenas Ações: Fazer 5 flexões todos os dias. Incrementar mais 5 a cada semana seguinte.

Quer ser um amigo melhor?
Identidade: Tornar-se uma pessoa que fica sempre em contato.
Pequenas Ações: Ligue para um amigo, todos os sábados. Se você repetir as mesmas pessoas a cada três meses, você vai ficar perto com 12 amigos ao longo do ano.

Se você quiser ficar motivado e inspirado, então sinta-se livre para assistir a um vídeo do YouTube, ouvir a sua música favorita, e fazer P90X. Mas não se surpreenda se você desistir depois de uma semana. Você não pode confiar em estar motivado o tempo todo, você tem que se tornar o tipo de pessoa que você quer ser, isso começa com a revelar sua nova identidade para si mesmo.

Se você deseja fazer uma mudança, então eu digo parar de se preocupar com os resultados e começar a se preocupar com a sua identidade. Torne-se o tipo de pessoa que pode conseguir as coisas que você deseja alcançar. Construa o hábito agora e os resultados virão.

Anúncios